Tínea Capitis

A Tínea Capitis ou a tinha do couro cabeludo é mais comum nas crianças. É causada por fungos adquiridos de outras crianças ou de animais domésticos e, até mesmo, do meio ambiente. As áreas de perda capilar apresentam cabelos “cortados” bem rentes ao couro cabeludo pelos fungos e podem ser acompanhadas de descamação importante e, algumas vezes, inflamação. Uma ou várias placas de perda capilar podem existir.

 

Diagnóstico

Para confirmar a Tínea Capitis ou a tinha do couro cabeludo o médico dermatologista especialista - tricologista faz exames clínicos, exames dos fios, inclusive exame para identificar qual fungo está causando a doença, além da tricoscopia para controle da cura da doença. Geralmente a biópsia do couro cabeludo não é necessária, porém em alguns casos podem ser necessárias para a confirmação diagnóstica e a diferenciação de outras doenças dos cabelos e do couro cabeludo.

 

Tratamento

Medicamentos antifúngicos tópicos e sistêmicos, por um período mínimo de 3 meses e o acompanhamento com o médico dermatologista especialista - tricologista e com a tricoscopia é fundamental para o sucesso terapêutico.

22_edited.jpg
17.Esquemademiniaturizaçãofios.png
17.Esquemademiniaturizaçãofios.png